segunda-feira, 27 de agosto de 2012


Sinto...
Uma dor no peito,
                  um choro sem jeito
sem poder chorar...

Um sabor amargo
                  o sorriso largo
pra disfarçar...

Um grito abafado
                      amor foi negado...
Como reagir?...

O chão na cabeça
              a palavra esqueça
não soube ouvir...

Um bom perdedor
                      mesmo com dor
ganha ao perder...

E se te perdi
                    distante ou aqui
Já me decidi
Eu posso viver!!!

Vera Lucia L. Silveira

quarta-feira, 25 de julho de 2012


TRABALHO MURAL DE TEXTOS 
 ALUNOS DO CAMPUS CACOAL/IFRO




Artigo de Opinião
A vida por um fio...
O atual comportamento humano me causa náuseas e uma condição de pura tristeza. Não sei mais o que é inocência ou ingenuidade... honestidade ou esperteza... inteligência ou habilidade...
Vou novamente atacar uma área que me atrai a atenção crítica: adolescentes. O gênero feminino em sentido especial. Outro dia observei o grande número de garotas cheirando à fralda que usam fio dental. Não caro leitor, não me entenda mal. Sou totalmente à favor dos bons hábitos, incluindo passar o fio entre os dentes para eliminação dos restos de alimentos que não conseguimos engolir. A questão é outra. Me refiro a um fio que também passa por caminhos não muito limpos e que caiu no gosto da garotada. A calcinha fio dental. Sedutora, sexy, presença frequente nos Sexy Shop e filmes pornôs...
Qual é o objetivo de usar um fio dental? Atrair o desejo masculino. Não quero parecer radical, mas o que tem na cabeça uma garota de 13 anos que me coloca um fio dental e um shortinho bem soltinho que é para o caminho ficar bem transitável? O que esta garota realmente entende de sensualidade? ...
O aumento dos casos de estupro e pedofilia crescem em todo o país. A vítima frequentemente é do sexo feminino; contudo, alguém já se perguntou o quanto aumentou o assédio sexual por parte das garotas menores de idade ao clube de barba? O que uma mãe quer quando compra um fio dental para sua filha menor de idade? Que  o traseiro dela atice a curiosidade masculina... Não?! Bem, inconscientemente ela está cooperando para sua filha se tornar alvo do fetiche alheio.
Existe tempo pra tudo. A garotada dos dias atuais esquecem de viver a sua fase da vida e sai queimando  etapas, querendo fazer tudo que adulto faz... Os resultados estão visíveis nos consultórios de psicólogos, nos adultos frustrados, violados, comuns na chamada ”sociedade do conhecimento". Muitos vão me considerar radical ou que a hipérbole permeia toda esta discussão. Tanto faz, escrevo exatamente pra provocar o que esta morno, submisso, estático, doente...totalmente moldado pela mídia. Algo chamado opinião pública. 
Devo ressaltar que considero o fio dental uma grande invenção. Um dos modelos de calcinha que não pode faltar na gaveta de uma mulher. Mas reparem eu disse 'mulher"... que pode lidar facilmente com o resultado que esta peça pode provocar em seu entorno. É bom lembra também que não me refiro aqui às adolescentes com vida sexual mais ativa que garota de programa em época de carnaval; estas, já sabem o que fazer, mesmo ainda não sendo mulheres. Porque pra se tornar uma mulher é preciso muito mais do que se entregar a um homem ou um moleque... é preciso amadurecer para ser mulher fisicamente e  psicologicamente, tornando-se apta para desfrutar de todos os prazeres que cercam seu mundo... e vez ou outra, suportar a ressaca de suas ações. O uso do fio dental é só um destes prazeres...


Vera Lucia L. Silveira -  julho de 2012.


segunda-feira, 5 de março de 2012

Sexo e outras drogas na adolescência...

      Atualmente, os adolescentes experimentam cada vez mais cedo drogas, como bebidas alcoólicas, cocaína, crack, etc. Todavia, outra droga instalou-se entre esta juventude, sem referencial e com muitos maus exemplos à disposição, nas instituições que deveriam educar, tais como: Igreja, Governo e Família. Tal droga ainda não diagnosticada com este conceito, chama-se: Sexo imaturo. Os adolescentes não conhecem o próprio corpo, para conhecer o de outro. Desconhecem o amor para provar da intimidade corporal e pior, as reais consequências físicas e emocionais resultantes de uma experiência sexual precoce. Algumas frustrações são eternas.
Iniciar a vida sexual, sem saber lidar com os hormônios (que influenciam os desejos sexuais) podem tornar o adolescente em um viciado em sexo; contudo, frio emocionalmente. Correndo o risco de tornar-se um promíscuo ou um solitário provocador de auto-prazer...

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Apresentações de poemas -  Semana Ciência e Tecnologia no IFRO

Ser Humano... Humano Ser...


            A inconsistência do ser reside na instabilidade de emocional. Laços afetivos se cruzam, personalidades se integram e o acaso torna-se planejado. O futuro tem sabor de "quem sabe..." Talvez o segredo do sucesso está em sempre visar o amanhã; onde nos aguarda as consequências e os imprevistos...
"Daqui a pouco"... pode ser pouco; contudo, muito quando se compromete uma vida.
As palavras não dão conta de expressar os sentimentos e se calam, frustradas em um papel ou no ar...
Os sentidos transcendem o perceptível. Não há lugar para a simplicidade na organização de qualquer ciência que cuide da ampla e diversa raça humana. Máquina que grita, chora, pensa e não se cansa de sofrer transformações em todos os campos de sua existência. Seres. Ser. Como é ser "humano"? Como é, ser humano? Coloque soluções ao próximo e fuja dos seus tropeços...
Abrigue a insegurança e peça à criança que não tenha medo. Mortais? Não, quando imortalizam feitos e desfeitos. Sua capacidade, todavia, pouco lapidada, perde-se nas envolturas das emoções. Controle. Nervos. Pele. Sangue. Terra. Ossos. Universo do EU. Nada do tudo. Nunca do sempre. Muito do pouco. Ser...humano não é difícil. Complexo é encontrar outro ser da mesma espécie. A luta árdua e diária da convivência é quase uma mortificação de si em prol de outras identidades. A reciprocidade nem sempre existe. Os pequenos tornam-se grandes em corpo; mas não em conhecimento. O vácuo é infinito na vida de seres que simplesmente não "sabem desejar"... desconhecem seus gestos preferidos e muitas vezes, descobrem  suas necessidades, quando descobrem os novos instrumentos para supri-la.
Ser humano...
Humano Ser...
Complexo desde o nascer.
Vera Lucia Lopes Silveira 2011.

domingo, 18 de setembro de 2011

Escrito por mim...

Escrito por mim....
O que sinto agora é algo imperceptível a olhos nus...
é preciso uma dose de cumplicidade
para diagnosticar a complexidade de uma quase dor...
Não é sabor de tristeza é a independência solitária;
contudo, consciente de sua escolha.
Quis assim... Sou assim...
Talvez seja penas feliz assim...
Dona do meu sorriso... olhar...gestos e atitudes.
Malucamente vivo em torno do que acredito...
Quebro as regras que defino quebráveis...
Burlo a Lei e escrevo o meu código de defesa.
Sigo meu caminho escrito por mim...

Vera Lucia L . Silveira

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Sou uma mulher, irmã, amiga, profissional,professora, formadora, coordenadora, supervisora e mais coisas terminados em ..ora... sei o que quero e quase sempre aproveito as oportunidades... sou tão frágil como uma pétala de rosa e tão forte quanto um katrina...depende do dia... da hora e do contexto exterior e interior.